domingo, 28 de setembro de 2008

Chamam-me maluco quando viro as costas


É com esta máquina que obtenho as imagens estenopeicas deste blog. Se repararem nada mais é do que uma lata de rebuçados que pintei (dentro e fora) com tinta preta.
Com um martelo e prego fiz um furo, que tapei com uma folha de aluminio.
Esta folha de aluminio ( que se ve na fotografia como um ponto branco) tem um pequeno furinho feito com a ponta de uma agulha.
Depois fiz dois furos na tampa da lata, de modo a permitir a colocação de dois botões. É com eles que rodo o rolo fotográfico que está no interior.
Quando pretendo tirar uma fotografia destapo-a ( a tal folha de alumínio)por breves segundos, retirando um pequeno iman que coloco em frente ao furinho.

Quando o rolo chega ao fim levo-a à loja do Sr. Espinho...e chamam-me maluco quando viro as costas....
Enviar um comentário