sexta-feira, 9 de abril de 2010

foi assim


Foto Estenopeica f200 sobre Papel,  90segs


Esta foi a fotografia obtida com uma máquina que construímos com uma caixa de vinho. 

Começámos com oito pessoas de Beja um pequeno curso (entretenga)  na Cáritas Diocesana.

Na primeira semana falámos das nossas vidas e no meio de chás e bolos caseiros fomos construindo pequenas caixas escuras, contendo apenas um pequeno furo.
Afirmei que era possível tirar fotografias com aquelas maquinetas...
Desconfiavam...mas iam comendo os bolos e por lá ficaram.

Na segunda semana só estivemos cinco....três não puderam vir.....

Fechámos a sala de trabalho com sacos de plástico do lixo e no escuro, com uma pequena lâmpada vermelha, fomos colocando papel dentro das caixas que havíamos construído. 
Saímos para a rua e fomos fotografar.
Ao pé da casa de uma, ao pé do castelo, em frente à câmara, na praça....
As caixas já se seguravam junto ao peito. Já se perguntava quanto tempo demorava a tirar uma fotografia. Já se ouvia dizer que "eram máquinas de antigamente".

Na terceira sexta-feira...só estávamos três....cinco não puderam vir....

Na casa de banho, fechada, montou-se um pequeno laboratório. Uma a uma foram abertas as máquinas e colocadas as pequenas tiras de papel no Revelador, seguidamente no Interruptor e depois no Fixador.

Um a um entraram os três resistentes....

Todos perguntaram que líquidos eram aqueles... que as fotografias de antes eram difíceis de tirar...que se lembravam de vir à feira tirar uma fotografia... que era por isso que o fotografo metia um capucho preto na cabeça...

E uma a uma foram reveladas as fotografias...esta não tem nada...era preciso mais tempo...esta está queimada...tempo a mais....

Só sobrou uma.... 

Por acaso a única onde estavam todos.

Assim foi.

.










Enviar um comentário