sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Meu Belo Par de Chapadas

Ermida da Atalaia do Viso
Fotografia Estenopeica


O Tempo Passa...

Pensei em ir beber uma mini ao Joaquim da Murcha.

Estava fechado...dizem-me que há muito.

Lembrei-me de um tasco lá para os lados da Atalaia do Viso.

Perdi-me, voltei a encontrar(me).

Virei à direita, lá dei com o caminho.

Ao fundo lá estava a Tasca do Viso...

Fechada.

Dizem-me que há muito.

Voltei, enganei-me no caminho.

Encontrei esta velha ermida, construida dois anos antes do Terramoto.

Fotografei-a e voltei à estrada.

Cheguei a Beja.

Recebo a noticia.

Volto a tempo do Funeral do primeiro de nós a ir.

- Começamos a encontrar-nos nos funerais dos amigos....há quanto tempo não te via?

- Há muito, disse-lhe, não me lembrando de há quanto.


Adeus Amigo! Foste cedo.
Meu belo par de chapadas que tu levavas.
Enviar um comentário