quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Monte Alentejano IV

A fonte


Conta-se que João Evangelista, na sua velhice em Efeso era muito solicitado para proferir sermõees na pequena comunidade cristã que lá existia.
O bom do São João, apesar da sua velhice, lá acedia, e proferia o seu sermão habitual:

- Filhinhos, amai-vos uns aos outros.

E sempre que era chamado, repetia, uma e outra vez as mesmas palavras:

- Amai-vos uns aos outros.

Sequiosos de palavras sábias, os seus discípulos esperavam mais de alguém que tinha conhecido Jesus, e que dele tinha recebido os ensinamentos.

Mestre, porque repetis constantemente as mesmas palavras?, ensina-nos algo de novo.

E o Bom do São João, desvendou que " basta que nos amemos para que o resto se cumpra".

E assim foi, que ao ouvir esta história compreendi a verdadeira mensagem de Jesus, o Cristo: Deus é Amor.

Vem tudo isto a propósito daqueles que amam, que se abnegam dos prazeres, da liberdade, em prol do outro. Aqueles que são genuinos.
Aqueles que compreendem o verdadeiro sentido da vida, os verdadeiros mistérios da criação, sem terem que utilizar grandes discursos, redondos vocábulos.

Conheço alguém assim.

E estou com ela casado há precisamente seis anos.
Enviar um comentário